A Secretaria Municipal de Serviços Rodoviários testou um novo componente que pode ser incorporado no processo de readequação de estradas rurais. Há poucas semanas foi realizado um amplo serviço de recuperação, alargamento de leito e microbacias na Estrada Jacuí, próxima ao Parque Jabuticabeiras, e no trecho final foi aplicado o estabilizador de solo. O resultado foi satisfatório, na avaliação do prefeito Celso Pozzobom e do secretário Mauro Liutti (Serviços Rodoviários).

“Aparentemente o resultado ficou muito bom. Com a compactação do solo e a estabilização, o leito da estrada ficou bem firme, liso e confortável para os usuários. Agora vamos aguardar para ver a durabilidade do processo, a necessidade de conservação e avaliar a viabilidade econômica para a sua implantação em outros locais”, disse o prefeito.

À base de hidróxido de cálcio, enriquecido com outros compostos químicos, o estabilizador foi aplicado sob supervisão técnica na base de 9 quilos por metro quadrado, em um trecho de 100 metros de extensão por sete de largura, no começo da estrada. Embora já exista há 29 anos no país, no interior do Paraná o produto ainda é uma novidade. O consultor técnico Emerson Oliveira, da Dynabase, explica que o estabilizante sólido ajuda a aglutinar a base e impermeabiliza o solo, favorecendo a compactação.

A empresa já aplicou o produto em estradas rurais de Ivaiporã, Ponta Grossa, Quatro Pontes e está em negociações com a Itaipu Binacional para a adequação de quase 200 km de estradas do ciclo turístico em torno do Parque Nacional do Iguaçu, em Foz do Iguaçu. “O estabilizador é um aditivo natural, ambientalmente correto, que substitui a base de concreto e até a pavimentação asfáltica em estradas de pouco movimento, sem falar na rapidez da aplicação. Tudo isso além da vantagem do baixo custo, em comparação a outros processos”, explicou Oliveira.

Para o teste em Umuarama foram utilizadas cerca de 9 toneladas do estabilizante sólido, que foram doadas pela empresa ao município. “Como a adequação da estrada Jacuí estava adiantada, já na fase de acabamento, e também pela proximidade com o perímetro urbano, escolhemos aquele trecho para testar o produto e podermos avaliá-lo de perto. Com a renovação da frota da Prefeitura, graças à aquisição de várias máquinas e veículos para o pátio rodoviário, nesta gestão, estamos readequando várias estradas rurais”, disse o secretário Mauri Liutti.

Entre os serviços realizados recentemente, o secretário cita as estradas Jacuí, Jaborandi, Urupês, Bahiana e Vermelha, readequadas recentemente, e nesta semana o serviço foi iniciado na Estrada Paulistinha, que liga várias propriedades rurais à Estrada Boiadeira, em Santa Eliza. “A malha viária de Umuarama é extensa, mas com maquinários e a dedicação dos nossos servidores, estamos conseguindo readequar muitas estradas”, completou o prefeito Celso Pozzobom.