O prefeito de Guaira pediu calma e disse que está buscando soluções para o impasse sobre o estudo de demarcação indígena que está acontecendo lá, que vem gerando tensões entre índios e proprietários rurais.

Heraldo Trento disse que é contra o conflito fundiário e está adotando medidas para evitar o prolongamento do conflito.

O prefeito informou que tem mantido reuniões com órgãos da Justiça, ministérios do governo federal e secretarias de estado para buscar uma solução pacífica para a disputa. Ele disse ser contra o atual modelo demarcatório e entende que toda e qualquer solução deve compreender modelos que contemplem os interesses, sem prejuízo de ninguém.

O prefeito disse entender como legítima a manifestação prevista para quarta-feira (6/12), mas, como órgão público, manterá suas atividades rotineiras, sem prejuízo do atendimento ao público.